24/04/2014

TESTES RÁPIDOS PARA HIV E SÍFILIS ESTÃO DISPONÍVEIS NOS POSTOS DE SAÚDE



O Governo Municipal de Uruoca disponibilizou para as gestantes em todas as Unidades Básicas de Saúde os novos testes rápidos para detecção precoce de Sífilis e HIV. Estes importantes exames serão realizados duas vezes durante o pré-natal, o que possibilitará a tomada de decisão pelos profissionais de saúde para prevenir possíveis riscos de adoecimento para a gestante e o bebê.
Com esta medida é ampliada a estrutura da rede Cegonha no município, melhorando a atenção à saúde materno-infantil, na tentativa de qualificar o pré-natal, possibilitando um parto e nascimento mais saudáveis. Os enfermeiros de todas as unidades foram capacitados para realizar estes exames de forma rápida, segura e sigilosa. 
Salienta-se que a Unidade Mista de Saúde também possui os testes para realizá-los no momento do parto, assegurando aos usuários melhor assistência durante momento tão importante como o nascimento dos novos cidadãos.

quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

PF DISPARA CONTRA CANDIDATURA DE PADILHA

:
Subordinada ao ministro José Eduardo Cardozo, a Polícia Federal produziu relatório que aponta que o ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, hoje pré-candidato a governador de São Paulo pelo PT, indicou o principal executivo do laboratório Labogen, de propriedade do doleiro Alberto Youssef; o executivo Marcus Cezar Ferreira de Moura havia trabalhado com Padilha na coordenação de eventos no Ministério da Saúde; PF cita também que o doleiro tinha relações com outros dois deputados petistas: Cândido Vaccarezza e Vicente Cândido; resta saber agora como esse relatório irá impactar na pré-campanha petista em São Paulo
Subordinada ao ministro José Eduardo Cardozo, a Polícia Federal produziu relatório que aponta que o ex-ministro da Saúde, Alexandre Padilha, pré-candidato a governador de São Paulo pelo PT, indicou, em novembro do ano passado, o principal executivo do laboratório Labogen, de propriedade do doleiro Alberto Youssef. O executivo, Marcus Cezar Ferreira de Moura, havia trabalhado com Padilha na coordenação de eventos no Ministério da Saúde.
Um mês depois da indicação, o ministério firmou uma parceria com a Labogen para produzir um medicamento pelo qual o laboratório receberia R$ 31 milhões em cinco anos. A parceria envolvia também a EMS, empresa farmacêutica que faturou 5,8 bilhões em 2012, e o laboratório da Marinha.
O ministério cancelou a parceria depois que a Folha de S. Paulo mostrou que o doleiro tinha participação no negócio. A Labogen também foi usada pelo doleiro para fazer remessas de dólares ao exterior, segundo a acusação do Ministério Público Federal, aceita na quarta-feira (23) pela Justiça Federal do Paraná.
O relatório da PF cita também que o doleiro tinha relações com outros dois deputados petistas. Cândido Vaccarezza e Vicente Cândido, ambos de São Paulo. André Vargas chegou a participar de uma reunião com Vaccarezza, em Brasília, na qual o doleiro era aguardado. Cândido é citado no episódio em que deputado e o doleiro buscam recursos em São Bernardo do Campo (SP). A tentativa fracassou, segundo mensagem de texto interceptadas pela PF.

quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

TV paga atinge recorde de assinaturas; saiba qual empresa tem o maior número de assinantes

PORTAL DE NOTÍCIAS DE SENADOR SÁ
Em comparação do mês de março com o mês de fevereiro, de 2014, o Brasil adicionou 151,7 mil novas assinaturas de TV paga. Hoje (24), a Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel) divulgou diversos dados. Segundo as informações da Anatel, a Telmex (Claro/Embratel/NET) está na liderança com maior número de assinantes.
Permanecendo na liderança, com 53,65% das assinaturas do mercado de TV paga, a Telmex (Claro/Embratel/NET) somou 80,6 mil novos clientes em Fevereiro, já em março a emissora aderiu 9,87 milhões novos assinantes.
Em segundo lugar, com uma fatia de 29,77% e adição de 38,8 mil assinantes, para 5,48 milhões, ficou a Sky/DirectTV. Em terceiro ficaram Oi e GVT, da Vivendi, com 4,5 e 4,09 por cento, respectivamente.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Falta de provas: Supremo absolve ex-presidente Collor

Ministra Carmem Lúcia é a relatora do processo contra Fernando Collor de Mello


O STF (Supremo Tribunal Federal) decidiu nesta quinta-feira (24) absolver o ex-presidente da República Fernando Collor de Mello do crime de peculato (desvio de dinheiro público), falsidade ideológica e corrupção passiva por falta de provas...

Ao apresentar o seu voto, a ministra Cármen Lúcia argumentou que os indícios apresentados pelo Ministério Público Federal são "frágeis", o que "impossibilitam a condenação pleiteada". "É preciso certeza, não basta probabilidade", afirmou a relatora, que também fez críticas ao trabalho da acusação. "Não é um primor de denúncia, na minha opinião."

Ela foi acompanhada integralmente pelos ministros Dias Toffoli, revisor do processo, Luís Roberto Barroso, Luiz Fux e Ricardo Lewandowski. Teori Zavascki concordou com a absolvição por peculato, mas entendeu que falsidade e corrupção já prescreveram e, portanto, não deveriam ter o mérito julgado. A ministra Rosa Weber e o presidente da Corte Joaquim Barbosa também votaram como Zavascki. O ministro Marco Aurélio de Mello, por ser primo de Collor, não participa do julgamento.

A acusação é da época em que Collor era presidente da República, entre 1990 e 1992. Segundo o Ministério Público Federal, ele teria favorecido empresas de publicidade na assinatura de contratos com o governo federal em troca de propina. O dinheiro seria usado para pagar pensão alimentícia de um filho que Collor teve fora do casamento na década de 80.

Os crimes de falsidade e corrupção já haviam prescrito, ou seja, Collor já não poderia mais ser punido por conta do tempo decorrido, mas a ministra decidiu julgar o mérito mesmo assim por entender que as acusações estavam "entrelaçadas".

A ação contra Collor foi recebida pela Justiça Federal de Brasília em 2000. Sete anos depois, quando se elegeu senador e passou a ter foro privilegiado, o processo subiu para o STF.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Aliados de Cid demonstram animação com candidatura de Tasso ao Senado



Com o casamento quase selado entre Pros e PT para as eleições deste ano, a possível candidatura de Tasso Jereissati (PSDB) ao Senado pode plantar a semente da infidelidade dentro da base aliada de Cid Gomes (Pros) no Estado. Nessa quarta-feira (23), a nova posição do tucano em concorrer à vaga de senador despertou elogios tanto de opositores quanto de aliados – muitos deles ex-tassistas – do governo na Assembleia Legislativa.
“O senador sempre será bem vindo para disputar cargo, qualquer que seja. O Tasso, no meu modo de ver, não deveria nunca ter deixado de ser senador ou de exercer outro cargo no Ceará (…) quem perdeu com a derrota dele na última eleição foi o Ceará”, diz Tin Gomes (PHS).
Assim como ele, lideranças de outros partidos aliados também demonstraram apoio à candidatura de Tasso. As adesões partiram sobretudo do DEM, SDD e PSD, legendas hoje compostas em sua maioria por ex-tucanos. “O presidente do DEM no Ceará, Chiquinho Feitosa, já me falou que a entrada do Tasso na disputa altera tudo, que teríamos de nos reunir para discutir”, diz João Jaime (DEM).
Também formado por antigos aliados de Tasso no Ceará, o Pros de Cid Gomes foi mais cauteloso ao falar sobre possível candidatura do ex-senador. Questionados pelo O POVO, a maioria dos deputados da legenda, entre eles ex-tassistas Welington Landim e Ivo Gomes, preferiram não comentar o assunto. “Todas as candidaturas são importantes para o processo democrático”, avaliou o ex-tucano Mauro Filho (hoje Pros).
Eliane Novais (PSB), por outro lado, reforçou que seu partido não apoia eleição de Tasso, tecendo críticas à atuação do ex-senador. “Tasso tem todo direito de defender as questões neoliberais dele, mas nós do PSB estamos fora, não o apoiamos”, disse.
Novo cenário
A onda de apoios ao tucano prejudica planos do PT no Estado, que busca unir a base aliada do governo em torno de José Guimarães (PT) ao Senado. Com provável racha no caso de um rompimento entre Cid Gomes e Eunício Oliveira (PMDB), a perda de apoio de partidos menores pode minar o projeto petista de eleger um senador. Entre nomes próximos de Eunício Oliveira, a entrada do ex-senador foi recebida positivamente. Para Danniel Oliveira (PMDB), a participação de Tasso “fortalece a democracia”. O deputado não descarta conversas entre Eunício e o tucano, com possibilidade de acordo para a eleição.
(O POVO)
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Há mais contra do que Pros no caminho da reeleição do senador Inácio Arruda

inácio
O Pros não trabalha com a hipótese de apoiar a reeleição do senador Inácio Arruda (PCdoB). Acha que os comunistas não têm peso eleitoral.
O caso de Inácio disputando a Prefeitura de Fortaleza e sair com 1% foi emblemático. Nos bastidores, há quem fale que Inácio poderia ocupar a vice na chapa do Pros, o que, no entanto, ainda é algo no campo das negociações.
O PCdoB insiste que a reeleição de Inácio é uma das prioridades definidas pela direção nacional para o pleito deste ano no Pais.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Deputado João Jaime vai unir partidos para apoiar candidatura de Tasso

quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

PSD vai se reunir para apoiar candidato de Cid Gomes

quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Ministra do Supremo manda Senado instalar CPI exclusiva sobre Petrobras



A ministra do Supremo Tribunal Federal (STF) Rosa Weber determinou nesta quarta-feira (23) que o Senado instale uma CPI exclusiva para investigar irregularidades relativas à Petrobras.
Rosa Weber atendeu a pedido feito por parlamentares da oposição, que queriam ter garantido o direito de uma comissão específica para investigar denúncias sobre a estatal, que incluem a compra de uma refinaria no Texas e pagamento de propina a funcionários.
A decisão da ministra é liminar (provisória) e valerá até que o plenário do Supremo decida sobre o tema. “Defiro em parte a liminar, sem prejuízo, por óbvio, da definição, no momento oportuno, pelo Plenário desta Suprema Corte”, disse a ministra na decisão.
Governistas também foram ao Supremo para tentar assegurar uma CPI ampliada, que incluísse investigações de obras sob suspeita em estados governados pela oposição. Mas a ministra rejeitou esse pedido.
Rosa Weber determinou que seja suspensa uma eventual decisão do plenário do Senado sobre a abrangência da CPI. Ela estipulou que a comissão não tenha “objeto alargado”, conforme queriam os governistas, mas sim “objeto restrito”, como pediu a oposição.
Os senadores governistas ainda podem recorrer ao plenário do Supremo. A oposição argumentou que uma comissão ampla teria como objetivo tirar o foco das supostas irregularidades na Petrobras.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

PSDB pede retirada da página do Facebook “Queremos Aécio Neves Presidente”

Chegou ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) nesta quarta-feira (23) uma representação do PSDB (Partido da Social Democracia Brasileira) contra o Facebook para que seja retirado do ar o perfil “Queremos Aécio Neves Presidente”.
De acordo com o partido, apesar de já ter sido notificado para retirar a página do ar desde o dia 14 de abril deste ano, a página não foi removida e continua a infringir a legislação eleitoral que impede a propaganda em favor de candidatos antes do dia 5 de julho do ano da eleição (Lei nº 9.504/97 – artigo 36). O PSDB ainda afirma que não concorda com a página bem como não tem nenhuma participação na criação do perfil e rechaça “qualquer tentativa de apontar o partido ou seu filiado como supostos beneficiários responsáveis pelo perfil irregular”.
Pede, portanto, que o TSE determine a suspensão do perfil por meio de uma medida liminar pelo menos até o dia 5 de julho de 2014. Pede também para excluir em definitivo após o encerramento do processo eleitoral.
A relatora do caso é a ministra Maria Thereza de Assis Moura.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Relações atualizadas de filiados a partidos já podem ser acessadas

Já podem ser consultadas no sistema Filiaweb da Justiça Eleitoral as relações atualizadas de filiados dos partidos políticos. A legislação estipula que os partidos devem encaminhar à Justiça Eleitoral listas atualizadas de seus filiados sempre nos meses de abril e outubro de cada ano. O prazo para o envio das relações terminou no dia 14 de abril. O Brasil tem 32 partidos com registro deferido no Tribunal Superior Eleitoral (TSE).
A legislação eleitoral determina ainda que, se a relação de filiados não for enviada pelos partidos até o prazo fixado no provimento da Corregedoria-Geral Eleitoral, a filiação constante na última relação remetida à Justiça Eleitoral permanecerá inalterada (parágrafo 1º do artigo 19 da Lei dos Partidos Políticos).
Para concorrer a um cargo eletivo em 5 de outubro deste ano, o candidato tem de estar filiado ao partido pelo qual pretende concorrer há pelo menos um ano antes do pleito. Essa é uma das condições de elegibilidade exigidas pela legislação.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Moroni vai ter dificuldade em se aliar com partidos ligados a Dilma Rousseff

foto2
Moroni Torgan preside o DEM no Ceará. Ele chegou ao comando do partido porque fazia oposição a Dilma Rousseff.
Hoje, Moroni, antes ligado ao ex-senador Tasso, migrou para a base de Cid no Ceará.
Como o DEM está com Aécio Neves, Moroni pode ser atropelado. Quem tem a maioria do DEM no Ceará é o ex-deputado Chiquinho Feitosa. Moroni quer fechar com Cid e Roberto Cláudio que votam com Dilma.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Luiz Pontes explica porque Roberto pessoa é melhor para o PSDB

Desde quando assumiu a presidência do PSDB cearense, à convite de Tasso Jereissati, o ex-deputado e ex-senador Luiz Pontes afirmou estar buscando reconstruir a sigla que atualmente conta com 130 diretórios no Estado. Pontes concedeu entrevista nesta quarta-feira (23), ao Programa Repórter Ceará, da Rádio Campo Maior AM 840.
Segundo o entrevistado, o PSDB, que vem trabalhando no sentido de apresentar candidatos tanto para Câmara, como para a Assembléia, Senado e Governo do Estado, fortaleceu-se esta semana com a possibilidade de Tasso disputar o Senado. Afirmação dada pelo ex-senador em reunião realizada com a cúpula nacional: “Eu fui à Brasília com Tasso e tivemos uma reunião com Aécio e lá houve um apelo muito grande para que ele fosse candidato ao Senado. Tasso fez uma explanação muito criteriosa, ele tem uma preocupação muito forte de fazer um palanque presidencial para o candidato tucano no Ceará”, disse.
Luiz Pontes revelou ainda que Tasso deixou claro que se seu nome “for imprescindível para fortalecer o projeto”, ele voltará a conversar sobre o assunto.
Mesmo tendo afirmado que o PSDB trabalha por uma candidatura ao Governo do Estado, o líder tucano lembrou que está conversando com outros partidos e que a possível candidatura de Roberto Pessoa (PR) está evoluindo positivamente. “Acredito que estaremos tendo uma reunião com o Roberto e Aécio para discutir essas alianças”, e completou: “Eu acho que a candidatura do Roberto é pra valer”.
Após sinalizar apoio a candidatura do PR ao Governo, ficou evidente a aproximação de Lúcio Alcântara com Tasso Jereissati, sobre a qual Pontes disse não haver problema: “Se tudo acontecer como estamos conversando e isso for à frente, se consolidando, não vejo nenhum problema de Lúcio e Tasso estarem no mesmo palanque”.
Sobre Eunício Oliveira, o presidente do PSDB explicou não ser possível o apoio à candidatura do PMDB, pelo fato do senador integrar a aliança que trabalhará pela reeleição da presidente Dilma Rousseff no Ceará, e que, por outro lado, o PR está disposto a apoiar a candidatura do Aécio.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Requerimento pede explicação a ministro sobre o aumento concedido à Coelce

Nesta semana, o deputado federal Danilo Forte (PMDB-CE) encaminhou um requerimento ao ministro das Minas e Energia, Edson Lobão, para esclarecimentos sobre reajuste de 16,55% concedido pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), à Companhia Energética do Ceará (Coelce) que solicitou aumento de apenas 8%.
De acordo com o parlamentar é preciso entender qual o motivo que levou a Agência a dobrar o índice solicitado. “Esperamos que o ministro explique esse aumento que foi muito além do que o solicitado pela Coelce” advertiu.
Danilo Forte sustenta o requerimento alertando que o setor produtivo do estado, será o grande prejudicado com o aumento, tendo em vista que a energia utilizada é um dos itens mais onerosos de suas planilhas orçamentárias.

Assessoria de Imprensa
Dep. Federal Danilo Forte
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

Izolda Cela é investigada por página em Facebook

Criada em 5 de abril deste ano, a página, segundo consta descrito no perfil, "é um movimento que acredita numa mulher educadora conduzindo o Ceará para o futuro"


 
A Procuradoria Regional Eleitoral no Ceará (PRE/CE) instaurou procedimento administrativo eleitoral para apurar a prática de propaganda antecipada com a criação de página no Facebook em apoio a Izolda Cela, apontada como pré-candidata ao Governo do Estado pelo Partido Republicano da Ordem Social (PROS).

Criada em 5 de abril deste ano, a página, segundo consta descrito no perfil, "é um movimento que acredita numa mulher educadora conduzindo o Ceará para o futuro".

Para determinar a instauração do procedimento, o procurador regional eleitoral levou em consideração que já existe na página menção a Izolda como pré-candidata. Além disso, o endereço vem sendo disseminado nas redes sociais por outro membro do partido, o deputado estadual Ivo Ferreira Gomes.

A Lei das Eleições (Lei nº 9504/97) proíbe a realização de qualquer propaganda política antes do dia 5 de julho do ano da eleição. O infrator está sujeito ao pagamento de multa no valor de R$ 5 mil a R$ 25 mil, ou o equivalente ao custo da propaganda, se este for maior.
quinta-feira, abril 24, 2014Sem Comentarios

23/04/2014

Justiça do Paraná aceitou a acusação contra o doleiro Alberto Youssef

Justiça do Paraná aceitou a acusação contra o doleiro Alberto Youssef, em função das revelações da operação Lava Jato.
Ele é acusado de ter remetido para fora do país US$ 444, 7 milhões. A fraude ocorreu por meio de contratos fraudulentos! 
Leonardo Meirelles também é réu no processo. Ele é um dos sócios do laboratório Labogen e firmou um acordo de R$ 31 milhões com o então ministro da Saúde Alexandre Padilha:http://bit.ly/1k7bhbA
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Ameaçado de expulsão, André Vargas critica PT

DE FORA O petista André Vargas. Ele renunciou ao cargo de vice-líder na semana passada (Foto: Sérgio Lima/Folhapress)
Depois de renunciar ao cargo de primeiro vice presidente da Câmara, o deputado André Vargas (PT-PR) voltou suas baterias agora para seu próprio partido. Ele acusa a direção do PT de ser “mais valente com os seus (filiados) que cometem equívocos do que com os tucanos e democratas já indiciados como José Aníbal e Rodrigo Garcia”. Vargas refere-se aos casos dos dois deputados que supostamente teriam recebido propina na contratação de equipamentos pelo metrô de São Paulo. Há uma semana Vargas avisou que iria renunciar ao mandato e depois desistiu. O líder do partido na Câmara, deputado Vicentinho (SP), pediu a sua renúncia, assim como o presidente da legenda, Rui Falcão. Vargas está sendo processado pelo conselho de ética por supostamente ter negócios com o doleiro Alberto Youssef, preso na Operação Lava Jato, da Polícia Federal. Se Vargas não renunciar, o PT o expulsará?.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Presidente da Sabesp diz que Padilha age com ‘oportunismo descabido’


A presidente da Sabesp, Dilma Pena, reagiu à propaganda que o PT levará à televisão nesta quarta-feira e acusou o candidato da sigla ao governo paulista, Alexandre Padilha, de “oportunismo político descabido”.
No filme, Padilha compara o sistema Billings (que opera com capacidade alta) ao Cantareira (que tem registrado níveis abaixo dos 13% de sua capacidade) para dizer que o problema não é de falta de água, mas de planejamento do governo Geraldo Alckmin (PSDB).
“Não sei lhe dizer o que se passa na cabecinha dele [Padilha], mas que ele está falando inverdades, isso eu afirmo”, disse Pena à coluna.
Segundo Pena, o sistema Billings já é integrado a outros sistemas que abastecem a região metropolitana de São Paulo e contribui com 7 m³ por segundo à área. “O que é possível tirar dele nós já tiramos”, diz.
“Lamento muito que o ministro desconheça tanto a região. É um oportunismo político descabido, que não leva em consideração a necessidade de informação da sociedade, e desinforma até.”
Ela diz ainda que a defesa de um sistema substituto ao Cantareira demonstra “total desconhecimento das condições hídricas e técnicas para enfrentar esse problema”. “Jamais poderia alguém de bom senso imaginar que pode haver um sistema substituto para o Cantareira, que só para a região metropolitana produz 30 m³ por segundo.”
Sobre questionamentos a respeito do volume de investimentos da estatal, considerado baixo por críticos e já atacado por Padilha, Pena disse que “isso também é mentira”.  ”Só a Sabesp investe R$ 2,5 bilhões por ano e ainda paga R$ 1,2 bilhão de impostos para o governo federal, que não retorna nenhum real para a Sabesp.”
“Nós poderíamos investir até mais se, de fato, o governo federal e o Ministério da Saúde estivessem preocupados com a saúde sanitária da população de São Paulo, mas não me parece que estejam, porque o ex-ministro desconhece a situação de São Paulo.”
No fim da semana passada, Alckmin chegou a dizer que não transformaria a crise de abastecimento em “picuinha política”. Por isso, tem evitado declarações sobre o tema.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Descoberta ferramenta utilizada na construção do Templo de Salomão

Descoberta ferramenta utilizada na construção do Templo de SalomãoPORTAL DE NOTÍCIAS DE SENADOR SÁ
Escavação arqueológica é considerada "extraordinária" e "surpreendente"
Os arqueólogos da Autoridade de Antiguidades de Israel acreditam ter descoberto um artefato que pode mudar a história da arqueologia na região.
Trata-se de um cinzel de metal, que pode ter sido usado na construção do Templo de Salomão, foi descoberto no ano passado, mas a agência de notícias israelense Tazpit informou que o governo estava esperando os resultados de testes de datação antes de fazer o anúncio oficial.
A mídia israelense está descrevendo a descoberta como “extraordinária” e “surpreendente”. O local de descoberta estava junto ao Arco de Robinson, localizado ao sul da área do Muro das Lamentações, que é a estrutura remanescente do antigo Templo.
“O cinzel possui cerca de 15 centímetros. Pela primeira vez, depois de dois mil anos, estamos em posse de um instrumento de trabalho utilizado pelos construtores que construíram o Kotel [Muro das Lamentações]“, explicou Eli Shukron que dirigiu a escavação arqueológica. O site The Times of Israel informa que Shukron passou 19 anos escavando na área.  É a primeira vez depois de mais de um século de pesquisas arqueológicas ao redor do Monte do Templo, que é achada uma ferramenta de construtores.
“Não tenho dúvidas que ele é do tempo em que o muro foi construído”, disse Shukron. “Descobrimos a peça na base do Muro Ocidental. Estava a cerca de seis metros abaixo da rua principal de Jerusalém na época do Segundo Templo. As moedas e também a cerâmica que recentemente encontramos na área indicam que ele é dessa mesma época”.
“O cinzel estava em meio a escombros de lascas de pedras que caíram dos pedreiros que trabalham nas rochas que compõem o Muro das Lamentações”, acrescentou o relatório do Tazpit. Os resíduos das pedras do muro caíam enquanto se entalhava as pedras para a aparência final, no estilo herodiano. A cabeça do cinzel tem a forma de um “cogumelo”, resultado das pancadas recebidas de um grande martelo enquanto se entalhavam as pedras.
No Muro das Lamentações, “as pessoas vem para fazer suas orações e beijam as pedras sagradas todos os dias”, disse Shukron. “Hoje, pela primeira vez, podemos tocar um dos seus cinzéis”. “Nós consideramos essas rochas sagradas. Tocamos, beijamos e colocamos nelas nossos pedidos. Até hoje ninguém tinha encontrado uma ferramenta dos trabalhadores que construíram este Muro. Significa, portanto, que encontrar esta ferramenta têm uma grande importância histórica e científica”, enfatiza.
A altura das paredes e a profundidade de onde estava o ponteiro são condizentes com o relato do historiador Flávio Josefo no seu livro Guerra dos Judeus. Na descrição do Monte do Templo, Josefo afirma que “os muros de contenção em seu ponto mais profundo alcançavam trezentos côvados, e em alguns lugares eram ainda maiores do que esta altura”. Trezentos côvados são cerca de 68 metros de altura.
Josefo afirma que Herodes contratou na época cerca de dez mil trabalhadores para construir o templo, o edifício mais luxuoso da época. Também diz que durante o período de Agripa II, o bisneto de Herodes o Grande, 18 mil trabalhadores ficaram desempregados após o trabalho de construção ter acabado.
Um dos aspectos mais intrigantes dessa descoberta é sua divulgação poucos dias após oito judeus serem presos na tentativa de abater um animal para o sacrifício ritual da Páscoa no topo do Monte do Templo em Jerusalém. Isso acirra os ânimos daqueles que exigem o reconhecimento por parte dos muçulmanos de que o templo de Salomão ficava no local, algo negado há séculos. O principal argumento dos islâmicos é que não há provas (fora do Antigo Testamento) que o templo realmente existiu. Com informações The Blaze.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Vaticano aceita de volta padre que deixou a batina para se casar

Vaticano aceita de volta padre que deixou a batina para se casarPORTAL DE NOTÍCIAS DE SENADOR SÁ
O Vaticano aceitou o pedido de reintegração feito pelo padre Francisco José Cabrini que foi desligado da Igreja Católica há mais de dez anos para poder se casar com uma fiel.
Francisco, 45 anos, foi ordenado a padre no Piauí quando tinha 28 anos realizando um sonho de infância, mas cinco anos depois se apaixonou por uma mulher e pediu o afastamento da igreja.
O casamento do ex-padre durou cinco anos, mas o divórcio só saiu depois de 11 anos, quando ele foi até o colegiado do Piauí pedir para voltar a ser ordenado como padre. O colegiado aceito o pedido de reordenamento, mas a palavra final teria que vir do Vaticano. Por dois anos Francisco Cabrini precisou aguardar o parecer que só foi dado na semana passada.
Em entrevista ao G1 Cabrini recordou seu desejo de ser padre e como foi deixar a batina e passar a trabalhar de professor de filosofia. Sobre o fim do casamento, ele comenta o desgaste da relação e o chamado ministerial que falava mais alto.
“O casamento começou bem, mas ao longo do tempo foi se desgastando e minha vontade de voltar à igreja falava mais alto. Por este motivo, acredito também que não tivemos filhos”.
Depois do divórcio a ex-mulher adoeceu e em 2013 faleceu vítima de câncer. Nessa época ele já aguardava a aprovação de seu retorno ao cargo de padre. Com o pedido aceito, Cabrini recebeu o convite de celebrar uma missa na mesma igreja onde conheceu sua ex-mulher, em Água Branca.
Foram quase 12 anos de afastamento da igreja, sua última missa naquela igreja foi realizada em 17 de novembro de 2002 e a mais recente aconteceu neste domingo de Páscoa, 20 de abril.
“Quando saí, não houve tanta polêmica, as pessoas me respeitaram e compreenderam porque sabiam da minha honestidade, a minha família que não aceitou muito. Depois de me separar e resolver que queria voltar, me sinto muito acolhido pela comunidade e minha família ficou muito feliz”, disse ele que foi recebido com muita festividade pelos fiéis.
Agora Francisco Cabrini é responsável pela comunidade pastoral da região da Vila do Avião, na Zona Leste de Teresina, capital piauiense. Fora isso ele continua a trabalhar como servidor público atuando como técnico de gerência estadual de educação.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Lula orienta PT a partir para a briga com André Vargas

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deu uma orientação expressa ao PT: disse que o partido deve partir com tudo para a briga com o deputado André Vargas (PT-SP). Os primeiros desdobramentos da estratégia, ditada por Lula há alguns dias ao alto comando petista, começaram a aparecer ontem, num entra e sai de reuniões realizadas em Brasília.
O deputado André Vargas (Foto: Alan Sampaio/iG Brasília)
O deputado André Vargas (Foto: Alan Sampaio/iG Brasília)
Além da conversa que Vargas teve pela manhã com o presidente do PT, Rui Falcão – onde reiterou sua decisão de não renunciar -, pelo menos dois outros encontros abordaram o caso. À tarde, um núcleo de dirigentes traçou um diagnóstico mais detalhado do envolvimento de Vargas com o doleiro Alberto Youssef, mapeando eventuais desdobramentos sobre o partido e a estratégia eleitoral.
Já à noite, o assunto apareceu – embora com menos destaque – numa reunião da presidente Dilma Rousseff com a coordenação de sua campanha presidencial.
Além de ameaçar a abertura de um processo de expulsão, por meio da instalação de uma Comissão de Ética, o comando do partido avalia que precisa enfraquecer a estrutura que hoje dá “sustentação” a Vargas.
O entendimento é que o deputado só resiste porque conseguiu angariar o apoio de um grupo de deputados, que trabalha para lhe dar sobrevida diante da abertura do processo no Conselho de Ética da Câmara. A articulação em apoio a Vargas tem contado com o apoio de um número significativo de deputados da legenda, entre eles nomes bem articulados no Congresso, como Cândido Vaccarezza (SP) e José Mentor (SP).
Uma preocupação, entretanto, continua rondando a cúpula partidária: o risco de Vargas disparar contra o próprio partido, caso decida resistir à pressão e continuar brigando pelo mandato.  O deputado tem deixado correr nos corredores que teria informações suficientes para revidar as pressões.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Petrobrás: Ex-diretor é denunciado por tentar impedir investigação


Paulo Roberto Costa é acusado em uma das cinco denúncias da Procuradoria da República na Operação Lava Jato

O ex-diretor de Abastecimento da Petrobrás, Paulo Roberto Costa, foi denunciado criminalmente pela Procuradoria da República nesta terça feira, 22. Ele é acusado de violação ao artigo 1.º da Lei 12.850 – “impedimento e embaraço à investigação de infração penal que envolva organização criminosa”...

A Polícia Federal acusa Costa de ter ocultado provas – pouco antes de os agentes realizarem buscas no escritório do executivo, no Rio, familiares dele teriam retirado documentos e arquivos de computador.

Paulo Roberto Costa está preso desde 20 de março. Ele e mais quatro são acusados formalmente em uma das cinco denúncias apresentadas pela Procuradoria da República à Justiça Federal nesta quarta feira, 23.

A PF atribui a ele corrupção. O doleiro Alberto Youssef, apontado como alvo principal da Operação Lava Jato, presenteou Costa com uma Range Rover Evoque, de R$ 250 mil, em 2013. Youssef também está preso e é alvo de outra denúncia da Procuradoria.

Segundo a PF, Costa e Youssef se associaram para tentar conquistar contratos milionários na Petrobrás e em outras empresas públicas e Ministérios.

Nesta denúncia contra Paulo Roberto Costa também são acusados suas filhas e seus cunhados: Ariana Azevedo Costa Bachmann, Shanni Azevedo Costa Bachamann, Márcio Lewkowicz e Humberto Sampaio de Mesquita, todos enquadrados no mesmo crime.

A Justiça ainda não decidiu se recebe esta denúncia contra o ex-diretor da Petrobrás e os demais acusados.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

O Globo: Dilma Roussef perde apoio entre governadores


Um levantamento realizado pelo jornal O Globo mostra que a presidenta Dilma Roussef perdeu espaço entre governadores. Há quatro anos, Dilma contava com apoio de 19 dos 27 chefes de Executivos, em estados que reúnem 75,3 milhões de eleitores.

Este ano, até agora, Dilma tem assegurado o apoio de 13 governadores que governam 55,7 milhões de votantes - numa queda de influência sobre quase 20 milhões de votos.

Veja abaixo o gráfico publicado na edição de hoje em O Globo:


quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Vem aí mutirão do “Projeto Orelhinha”

orelha
O “Projeto Orelhinha”, de ONG tocada no Ceará por Jorge Régis, promoverá o terceiro mutirão para correção das orelhas de abano. As inscrições devem ser feitas pelo site www.projetoorelhinha.org.br.
Em junho, virá a triagem dos casos e a realização do mutirão de cirurgia.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

UVC promoverá Ciclo de Debates em Camocim

A próxima edição do Ciclo de Debates da União dos Vereadores e Câmaras do Ceará (UVC) já tem data e cidade confirmadas. O evento ocorrerá no dia 22 de maio, no município de Camocim (Litoral Oeste). As informações foram divulgadas durante reunião entre o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa, Sérgio Aguiar (Pros), o presidente da UVC, Audic Mota, e o secretário-geral da UVC, Guto Mota. Nos próximos dias, a UVC divulgará mais informações sobre o evento que deve reunir no município, vereadores, prefeitos, lideranças políticas e imprensa.
De acordo com Audic Mota, esses encontros foram idealizados para que a entidade (UVC) possa debater temas pertinentes à atividade do legislador em regiões mais afastadas de Fortaleza, especialmente no Interior, além de escutar os anseios dos vereadores que não têm acesso frequente aos serviços da UVC.
“Também é uma forma de mostrar ao vereador que a UVC é a casa dele, que na entidade ele pode encontrar todo o suporte necessário para desenvolver um trabalho de referência em sua cidade ou região, sempre bem orientado e amparado”, destaca o presidente da entidade. O primeiro “Ciclo” foi realizado na cidade de Canindé, em março último.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Roberto Pessoa garante: “se o Tasso for candidato ao senado eu disputo o governo”

untitled
Hoje, cedo, muito cedo, o ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, recebeu seis visitas. Uma delas era o ex-governador Lúcio Alcântara.
Depois do encontro Roberto Pessoa, com um largo sorriso no rosto desabafou: “se o Tasso for candidato ao Senado, sou candidato ao governo. Minha palavra será honrada. Disse ao Tasso, no escritório dele, que disputaria a eleição ao seu lado e vou cumprir”, relatou Pessoa sorrindo. Pessoa está com muita vontade de bater em Cid e Ciro nos debates, no Rádio e na Televisão.
Lúcio Alcântara deu sinal verde para Roberto Pessoa levar o PR a uma aliança com o PSDB tendo Tasso como Aécio.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

“Não há como comparar um político que respondeu processo nesta Casa pelo caso dos dólares na cueca, e foi absorvido com o voto secreto, com um homem que modificou a política cearense”, afirmou João Jaime (DEM)

Em pronunciamento no primeiro expediente da sessão plenária da Assembleia Legislativa desta quarta-feira (23/04), o deputado João Jaime (DEM) comentou a mudança no cenário político cearense com a possível candidatura do
ex-governador Tasso Jereissati ao Senado Federal. “Nós que somos democratas e gostamos da concorrência tivemos uma surpresa agradável. Acho que as oposições se fortalecem com a entrada de Tasso e vamos trabalhar em uma
estratégia melhor para enfrentar as eleições”, pontuou.

João Jaime elogiou o currículo de Tasso Jereissati, três vezes governador e ainda senador pelo Estado. Segundo o parlamentar, as eleições deste ano seriam uma maneira de corrigir um erro de 2010 quando Tasso foi derrotado.
“ Seria como reparar uma injustiça. Hoje muitos que não votaram nele se arrependem por que temos uma representação capenga no Senado. Apenas um senador se destaca à frente das discussões que é Eunício Oliveira”,  ressaltou.

O deputado comentou as declarações de Tasso durante o encontro nacional do PSDB. O ex-governador teria admitido concorrer ao Senado se a candidatura dele fosse necessária como articulação para a campanha de Aécio Neves à
Presidência da República. “ Tasso está conversando com o PMDB e PR do ex-prefeito de Maracanaú, Roberto Pessoa, e vai apoiar quem estiver com o Aécio Neves. Daí então podem sair duas ou três chapas”, frisou. O parlamentar ainda aproveitou para anunciar quem são os seus candidatos nas eleições deste ano. “Eu que já tinha um candidato ao Governo do Estado que é Eunicio Oliveira agora completei minha chapa com Tasso Jereissati ao Senado”, ressaltou.

João Jaime fez um comparativo entre o candidato ao Senado, deputado federal José Guimarães (PT-CE), apoiado pelo governador do Estado, e Tasso. “Não há como comparar um político que respondeu processo nesta Casa pelo caso dos
dólares na cueca, e foi absorvido com o voto secreto, com um homem que modificou a política cearense”, afirmou.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios

Operação prende prefeito de Aiuaba PSB e mais três

Um revólver calibre 38 e R$ 7 mil foram encontrados na casa do prefeito


Uma operação na cidade de Aiuaba, cidade a 417 km de Fortaleza, resultou na prisão do prefeito José Airton de Araújo PSB, do secretário de Finanças, do tesoureiro do município e um irmão do prefeito que, mesmo sem exercer cargo público, é apontado como controlador das receitas de combustíveis para os veículos do município, configurando-se a usurpação de função pública. A ação foi a Polícia Civil e do Ministério Público do Ceará (MP-CE).

As investigações, realizadas pelos promotores de Justiça auxiliares da Procuradoria dos Crimes Contra a Administração Pública (Procap) e do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), tramitam sob segredo de Justiça. Os réus são acusados de praticarem vários crimes contra a administração pública, tais como: fraude a licitações, lavagem de capitais, peculato, quadrilha ou bando, desvio de verbas públicas e enriquecimento ilícito.

De acordo com informações da Polícia Civil, um revólver calibre 38 e R$ 7 mil, cuja a origem não foi explicada, foram encontrados na casa do prefeito.

Documentos do município, extratos bancários de altos valores e uma outra arma também foram apreendidos na operação.

As quatro pessoas foram levadas para a Delegacia de Assaré.
quarta-feira, abril 23, 2014Sem Comentarios