21/08/2014

Aldo Rebelo: "Quem fraudou contrabando de madeira foi o marido de Marina Silva"




A Farsa Marina Silva






quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Em 24 horas, Marina Silva destruiu o que Eduardo Campos construiu uma vida inteira. Vice tenta por panos quentes.

Só não vê quem não quer. Marina Silva, sempre que é colocada como protagonista, amassa e destrói o que está ao seu redor. A vítima da vez é o PSB e o legado de Eduardo Campos. Em 24 horas, a jihadista Marina, esta conhecida fundamentalista, jogou na lata do lixo a unidade que Campos, a duras penas, construiu a seu redor. O seu vice chega ao cúmulo de pedir que os correligionários tenham paciência e calma com Marina Silva. A matéria a seguir é de O Globo.

O candidato a vice-presidente na chapa do PSB, Beto Albuquerque, minimizou nesta quinta-feira em Porto Alegre a renúncia de Carlos Siqueira da coordenação de campanha de Marina Silva e atribuiu o gesto do assessor ao estresse causado pela morte de Eduardo Campos.

Beto, que se reuniu com a cúpula do PMDB e do PSD, principais aliados da chapa socialista no Rio Grande do Sul, disse que Siqueira “compreendeu errado” o que classificou de “desentendimento de palavras” e pediu “tolerância e compreensão” ao PSB na convivência política com a candidata a presidente.

- A Marina não ofendeu ninguém, isso não é verdade. Houve um pequeno desentendimento de palavras que, neste momento de tensão, acabou causando um atrito invencível. É natural que, assumindo a condição de candidata, a Marina queira ter algumas pessoas da sua confiança em áreas estratégicas da campanha. Isso foi compreendido errado, a meu juízo. Mas não vamos nos perder em intrigas. O que está em jogo é muito maior que um fato ou outro, uma ou outra pessoa. O que está em jogo é mudar o Brasil – disse Beto.

O candidato, que antes da reunião protocolou no TRE seu pedido de renúncia à disputa pelo Senado do Rio Grande do Sul, se dispôs também a assumir interinamente a coordenação da campanha em nome do PSB, até que se ache um nome de consenso para substituir Siqueira. Beto negou que a saída do assessor tenha relação com as alianças nos estados e garantiu que todos os acordos políticos celebrados por Campos serão mantidos. Segundo o candidato, Marina não deixará de lado a construção da Rede Sustentabilidade – que está em processo de regularização no TSE.- A Marina veio para ser Rede, continuará sendo Rede e nós sabemos disso desde o princípio. E, ainda assim, estamos animados com a candidatura dela – afirmou. 

Mesmo com o discurso de tolerância e compreensão, Beto Albuquerque confirmou que o PSB ofereceu a Marina uma carta de compromissos em que são reafirmados os principais pontos programáticos da campanha de Eduardo Campos e as diretrizes que norteiam o partido e um eventual governo socialista.

Segundo o candidato a vice, Marina concordou com os termos da carta de seis páginas redigida pela cúpula do PSB na quarta-feira. Mas, de acordo com Beto, cabe à candidata torná-la pública ou não.- Não há que se assinar documento nenhum. Nós temos um programa. Estamos ratificando não só esse programa como os compromissos que o Eduardo anunciou à sociedade nessa sua caminhada. Vamos reiterar isso e vamos honrar esse legado, eu e a Marina. Temos absoluta confiança na candidata – garantiu.

A reunião com o PMDB e com o PSD teve a presença de poucas lideranças da aliança costurada por Campos no Rio Grande do Sul, que inclui oito partidos. Parlamentares confessadamente descontentes com a indicação de Marina, como os deputados federais Osmar Terra e Alceu Moreira, do PMDB, não apareceram para prestigiar o encontro. Os dois já anunciaram que vão aderir, ainda que informalmente, à candidatura de Aécio Neves (PSDB). Terra defendia explicitamente a indicação da viúva de Campos, Renata, para a disputa à presidência.
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Cuidando com carinho 'Eunício Oliveira & Lula'

Lula não perde o instinto político.Eunício Oliveira foi convidado para fazer parte da comitiva da Dilma Rousseff e Lula no Recife, domingo.

Na base aérea encontrou o ex-presidente e, juntos, recepcionaram a Dilma. Lula chamou Eunício de lado e disse que está acompanhando as pesquisas no Ceará, tanto para o governo do estado, quanto para presidente, deixando escapar que está satisfeito com o desempenho dos dois.

Eunício disse a Lula que não se preocupasse, pois o PMDB vai dar a vitória à ela no Ceará.
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Eunício Oliveira e Tasso: "Já tenho o apoio de 62 prefeitos"

Eunício Oliveira (Foto: Jane de Araújo/Agência Senado)
Candidato a governador do Ceará, o líder do PMDB no Senado, Eunício Oliveira, diz que já conseguiu o apoio de 62 prefeitos de seu estado. Eunício começou a campanha com a adesão de apenas seis. O candidato do PMDB disse que contará também com o apoio informal do Solidariedade, que participa da chapa do petista Camilo Santana. "Vou ganhar no primeiro turno", diz Eunício.


quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

VIGILANTE PRATICA SUICÍDIO DENTRO DA AGÊNCIA DOS CORREIOS EM CATUNDA

Um vigilante praticou suicídio na tarde desta quarta (20/08), por volta das 16h45, dentro da agência dos Correios, no município de Catunda, distante 22km de Santa Quitéria.

Segundo informações, a vítima, identificada como Francisco Junior Gomes Lima, 23, natural de Tamboril, funcionário da agência, havia entrado no banheiro, onde foi ouvido um disparo de arma de fogo e ao verificarem, constataram que Junior havia se suicidado, com um tiro provavelmente na cabeça.

A Polícia esteve no local, onde recolheu a arma para perícia e o corpo foi encaminhado para o IML de Canindé. A cidade está em choque com a morte.

Font: blogdodiomararaujo.blogspot.com.br/
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Dono sob investigação


cessna campos
Cessna Citation da campanha de Campos
Além do trágico acidente, o avião em que Eduardo Campos voava quando morreu pode ainda ser notícia por outros aspectos. Há uma investigação policial em curso sobre o dono do Cessna Citation.
Além da transferência de propriedade, que não está devidamente regularizada na Anac, há suspeitas sobre a capacidade financeira do proprietário para ter comprado um avião.
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

PRIVATIZAÇÃO DO 4G TERÁ VALOR MÍNIMO DE R$ 7,7 BILHÕES

:
Privatização está marcado para 30 de setembro. A Anatel receberá propostas das interessadas em 23 de setembro. Se não houver demanda na primeira rodada, a agência poderá fazer uma segunda, dividindo os lotes restantes em faixas menores de 5 MHz
O valor total mínimo das licenças para a privatização da frequência de 700 MHz móvel de telecomunicações quarta geração (4G) é de 7,71 bilhões de reais, segundo edital publicado nesta quinta-feira pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel).
Além da outorga, as operadoras vencedoras também arcarão com 3,6 bilhões de reais em custos da "limpeza" da faixa, atualmente ocupada pela radiodifusão analógica.
A agência definiu que cada um dos três lotes nacionais de licença para 4G terá preço mínimo de 1,927 bilhão de reais. O quarto lote nacional, com exceção das áreas de cobertura das operadoras CTBC e Sercomtel, tem preço mínimo de 1,893 bilhão de reais. Já os dois lotes regionais terão preço mínimo de 29,56 milhões e de 5,282 milhões de reais, respectivamente.
A privatização está marcado para 30 de setembro. A Anatel receberá propostas das interessadas em 23 de setembro. Se não houver demanda na primeira rodada, a agência poderá fazer uma segunda, dividindo os lotes restantes em faixas menores de 5 MHz.
Para cada um dos três lotes nacionais, o custo de limpeza do espectro será de 903,9 milhões de reais. Para o quarto lote nacional (com exceção de CTBC e Sercomtel), o valor é de 887,6 milhões de reais. Para os dois regionais, 13,9 milhões e 2,5 milhões de reais, respectivamente.
O edital também prevê desembolso adicional por outorgas de até cerca de 560 milhões de reais se as vencedoras do certame já têm licença na frequência de 2,5 GHz, faixa na qual o serviço 4G é atualmente prestado no país.
Segundo a Anatel, a faixa de 700 MHz tornará possível levar telefonia móvel de quarta geração e Internet em banda larga de alta capacidade a áreas rurais a um custo operacional mais baixo, já que ela é ideal para cobertura de grandes distâncias.
A expectativa do governo é que as receitas obtidas com a privatização também ajudem nas contas públicas deste ano. O montante impactará no superávit primário --economia feita para pagamento de juros da dívida-- do setor público, que não tem apresentado bons números e está longe da meta de 99 bilhões de reais, ou 1,9 por cento do Produto Interno Bruto (PIB).
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Assista ao segundo programa do guia de Aécio

quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Aécio se compromete a ampliar os programas de saúde destinados à família e reajustar a tabela do SUS

O candidato à Presidência da República pela Coligação Muda Brasil, Aécio Neves, comprometeu-se, nesta quarta-feira (20/8), em São Paulo, a ampliar os programas de saúde destinados à família. Segundo ele, administrar é “procurar experiências que deram certo”. Ao criticar a defasagem nos valores pagos com base na tabela do Sistema Único de Saúde (SUS), Aécio afirmou que se empenhará para reajustá-los.
Aécio conheceu uma das carretas do programa Mulheres de Peito, que se destina à prevenção ao câncer de mama, iniciativa do Governo de São Paulo.  Aécio estava acompanhado pelo governador Geraldo Alckmin (PSDB), que disputa a reeleição, o candidato a vice, Aloysio Nunes, e o secretário de Saúde de São Paulo, David Uip.
“Mulheres de Peito é algo que precisamos levar para todo o Brasil. Hoje morrem, em todas as regiões do Brasil, cerca de 10 mil mulheres de câncer de mama, e essa é uma doença em que o diagnóstico faz toda a diferença”, destacou Aécio.
O candidato lembrou que se o exame de mamografia, que detecta problemas na mama, se feito com regularidade, conforme recomenda o programa, aumenta as possibilidades de prevenção e cura do câncer.
“No Brasil, pelo menos 50% dos nossos municípios não têm sequer um mamógrafo [aparelho para realizar o exame]. O governo federal, a partir dessa experiência do governador Geraldo Alckmin, vai buscar levar a oportunidade desses exames para todas as regiões do Brasil, e a partir do diagnóstico, se houver alguma suspeita, o encaminhamento para o tratamento, como ocorre em São Paulo”, afirmou o candidato.
Iniciado em dezembro de 2013, o programa Mulheres de Peito tem quatro carretas itinerantes que viajam por todo o Estado, ficando 20 dias em cada lugar, facilitando o acesso a serviços de mamografia pelo SUS. Cada carreta tem capacidade para atender 50 mulheres por dia. Desde seu lançamento, o Mulheres de Peito já possibilitou a realização de cerca de 20 mil exames gratuitamente.
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

Eunício Oliveira e Tasso participa de caminhada em São Benedito

87ccece5-55e2-4ab3-9c2f-f6be05ffdb2f
O candidato a governador Eunício Oliveira participou de uma caminhada na quarta-feira no município de São Benedito. Participaram da caminhada o candidato a vice-governador, Roberto Pessoa, e o candidato ao senado, Tasso Jereissati.
“Quem escuta, erra muito menos. Faremos um governo que coloque, como prioridade, a gestão e o cuidado com as pessoas”, disse Eunício Oliveira.
quinta-feira, agosto 21, 2014Sem Comentarios

20/08/2014

TSE nega pedido da coligação de Dilma Rousseff para multar consultoria por propaganda negativa


O Plenário do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) decidiu, por maioria, na sessão desta terça-feira (19), considerar totalmente improcedente a representação proposta pela coligação Com a Força do Povo, que tem Dilma Rousseff como candidata à reeleição ao cargo de presidente da República, contra a empresa Empiricus Consultorias & Negócios, por suposta propaganda veiculada na internet com conteúdo negativo direcionado à Dilma Rousseff e elogios a Aécio Neves, candidato da coligação Muda Brasil.
Por maioria, os ministros entenderam que não houve propaganda eleitoral paga e nem de qualquer espécie nas considerações feitas pela empresa sobre a oscilação do mercado financeiro em caso da vitória de Dilma ou de Aécio. O relator, ministro Admar Gonzaga, votou no sentido de multar a empresa em R$ 15 mil por considerar que houve propaganda paga na internet, o que é vedado pela Lei das Eleições (Lei 9504/1997).
O pedido para a aplicação de multa e a retirada da suposta propaganda da internet considerava que a empresa estaria veiculando os seguintes anúncios: “Como se proteger da Dilma: saiba como proteger seu patrimônio em caso de reeleição da Dilma, já” e  “E se o Aécio Neves ganhar? Que ações devem subir se o Aécio ganhar a eleição? Descubra aqui, já”.
Ao manter os argumentos que usou para deferir a liminar, o ministro Admar Gonzaga afirmou que, para ele, houve excesso com as expressões utilizadas nos anúncios postados na internet. O ministro ressaltou ainda que, no caso, a publicidade não só menciona o pleito futuro, por meio de propaganda paga na internet, como também faz juízo positivo e negativo sobre dois candidatos ao pleito presidencial. De acordo com o relator, houve “clara estratégia de propaganda subliminar”.
O ministro Gilmar Mendes abriu a divergência ao declarar que “não vamos querer que a Justiça Eleitoral, agora, se transforme em editor de consultoria”. Disse que, ao contrário do relator, teme que “esse tipo de intervenção da Justiça Eleitoral em um tema de opinião venha a, realmente, qualificar uma negativa intervenção em matéria de livre expressão”. “Tentar tutelar o mercado de ideias não é o papel da Justiça Eleitoral”, sustentou.
O ministro Luiz Fux votou com a divergência. O critério da Justiça Eleitoral, para ele, “é de respeitar a soberania popular e manter o minimalismo diante do jogo democrático”.  A divergência também foi seguida pelos ministros João Otávio de Noronha, Luciana Lóssio e pelo presidente da Corte, ministro Dias Toffoli. A ministra Laurita Vaz votou com o relator em favor da aplicação de multa.
quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

MPF pede a autoridades informações sobre acidente com jato de Eduardo Campos



O Ministério Público Federal em São Paulo pediu às autoridades aeronáuticas que forneçam a procuradores da República informações sobre a queda do jato em que viajava o ex-governador de Pernambuco, Eduardo Campos, e sua comitiva.
A solicitação foi enviada ontem ao Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa), à Agência Nacional de Aviação Civil (Anac), à Força Aérea Brasileira (FAB), à Secretaria de Aviação da Presidência da República e ao comando da Base Aérea de Santos – órgãos de controle e investigação responsáveis por apurar o acidente aéreo ocorrido na última quarta-feira (13). A Aeronáutica confirmou já ter recebido o pedido e garantiu que as informações serão fornecidas.
quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

PREFEITO COM EUNÍCIO E TASSO



O apoio à campanha do #CearáDeTodos só cresce. O prefeito de Barreira, Antônio Peixoto PMDB, é 15. Não tenha dúvidas, venha você também para o lado de cá.#VamosJuntos.


quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

Humoristas cearenses gozam na rede com a entrevista de Dilma ao JN

Este vídeo da entrevista do JN com a Dilma, onde o William Bonner fez 21 intervenções e quase falou mais do que a presidente Dilma Rousseff, acabou caínd o na rede da gozação. Eis aí o que a molecagem cearense aprontou com a peça global.

quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

No Ceará tem di$$o sim!


Carlos Brickmann

 É uma injustiça dizer que o Legislativo não trabalha, ainda mais nesses dias de início de campanha. É injusto também acusar o Legislativo de decidir com lerdeza. A Assembleia do Ceará acabou de aprovar projeto do governador Cid Gomes, do PROS, criando novos cargos, sem concurso, na diretoria da Agência Reguladora de Serviços Públicos Delegados, com o salário-teto do Estado: R$ 16.147,69 mensais.

O projeto tramitou na Assembleia por uma semana, passou por todas as comissões técnicas de praxe e foi rapidamente aprovado. Os dois diretores serão nomeados imediatamente e terão mandato de quatro anos; o novo governador, que toma posse em 1º de janeiro, será obrigado a engoli-los. 

De onde vem o dinheiro? Simples: a verba necessária para as duas novas diretorias foi retirada do Fundo Estadual de Combate à Pobreza. Nada mais justo: embora viva a maior seca dos últimos 50 anos, o Ceará tem dois pobres a menos.

quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

Justiça Eleitoral proíbe uso de imagem de Eduardo



A imagem do ex-governador e candidato à Presidência da República Eduardo Campos (PSB) é alvo de disputa na Justiça Eleitoral. Na manhã de hoje, o desembargador do Tribunal Regional Eleitoral (TRE-PE) Alexandre Hermes Renato acatou o pedido da família do socialista, morto num acidente de avião na última quarta-feira (13), para que outros candidatos que não são da Frente Popular utilizem a imagem do político.

Hoje, por exemplo, o guia do candidato e senador licenciado Armando Monteiro Neto (PTB), adversário da Frente Popular, dedicou boa parte do tempo em homenagem ao ex-governador. O trabalhista utilizou imagens de Campos com Armando e o candidato ao Senado e deputado federal João Paulo (PT) na época que eram aliados. A proibição, no entanto, não pôde ser decretada a tempo da exibição do material de hoje.

“Num momento que todos compartilhamos essa perda, a inspiração para dar continuidade a obra de Eduardo é uma missão que não estava prevista dessa maneira. Sua ausência representa mais um desafio. Esta, certamente, será a melhor forma de reverenciar o homem, o líder de um grande governo”, afirmou Armando, hoje, em sua propaganda eleitoral.



quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

Bem-vindo ao novo jeito de governar.

quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

Horário politico derruba audiência da Globo

Audiência da emissora despenca
Audiência da emissora despenca
Como já é de costume (e já esperado), o horário politico, que estreou nesta última terça-feira, 19 de agosto, derrubou os índices de audiência dos principais programas da TV Globo.
O “Jornal Hoje” que obteve 12 pontos na segunda-feira, acabou com 6,5 pontos na prévia (cada ponto equivale a 65 mil domicílios). A audiência das novelas também foi ladeira abaixo. “Malhação” registrou média de 17 pontos na segunda-feira e caiu para 11 nesta terça-feira. “Boogie Oogie” despencou de 20 para 15 pontos.
Por conta disso, muitos recorrem a programação da TV paga, que é normal. Quase todas as pessoas detestam acompanhar o horário politico. Em um ano eleitoral, a audiência dos principais programas costuma despencar mesmo. O problema é que os números de grande parte das atrações já não andam bons e o horário político só piora a situação.
quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

AÉCIO: MARINA "NÃO MUDA ABSOLUTAMENTE NADA"

:
Presidenciável do PSDB diz ter "extrema confiança" de que estará no segundo turno e que vencerá a eleição em outubro; questionado se a entrada de Marina Silva como candidata pelo PSB dificultava a disputa, Aécio Neves disse que "isso não muda absolutamente nada"; "O nosso adversário é o governo que está aí", afirmou, durante evento de campanha em São Paulo; tucano acrescentou que não atacará A ou B; "Temos extrema confiança de que vamos para o segundo turno e no segundo turno vamos vencer"
O candidato do PSDB à Presidência da República, Aécio Neves, mostrou confiança nesta quarta-feira de que estará num eventual segundo turno e que será o vencedor da corrida presidencial.
Questionado se a entrada da ex-senadora Marina Silva como candidata pelo PSB dificultava a disputa, Aécio disse a jornalistas que "isso não muda absolutamente nada".
"O nosso adversário é o governo que está aí", afirmou o candidato, em evento de campanha em São Paulo, dizendo que não atacará A ou B. "Temos extrema confiança de que vamos para o segundo turno e no segundo turno vamos vencer."
Marina será oficializada nesta tarde pelo PSB como candidata no lugar de Eduardo Campos, que morreu num acidente aéreo na semana passada.
Na primeira pesquisa eleitoral após a morte de Campos, realizada pelo Datafolha, a presidente Dilma Rousseff apareceu com 36 por cento das intenções de voto, seguida por Marina com 21 por cento e Aécio com 20 por cento.
Na pesquisa anterior, Dilma e Aécio tinham o mesmo percentual, mas o então candidato do PSB, Eduardo Campos, aparecia com apenas 8 por cento.
quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

Luizianne: "Fui à Justiça para exibir meu programa"

PT NA TV Ex-prefeita, Luizianne Lins volta a Fortaleza como apresentadora de rede local (Foto: Jarbas Oliveira/ Futura Pressa)
A ex-prefeita de Fortaleza Luizianne Lins (PT) entrou na Justiça para divulgar seu programa eleitoral. Candidata a deputada federal, Luizianne Lins diz que sua propaganda deveria ter sido exibida hoje, na estreia do horário gratuito. "Ontem às onze horas da noite, depois de um dia inteiro de negociação, ficou acertado que meu programa iria ao ar hoje. Nesta manhã, fiquei sabendo que ele foi censurado", diz Luizianne Lins. Quem foi o autor da censura? Segundo Luizanne, o governador Cid Gomes (Pros). "É Cid quem manda na campanha de Camilo Santana (candidato do PT ao governo do Ceará)", diz ela. A assessoria do governador nega peremptoriamente qualquer ação de Cid: "Não é do perfil dele". O coordenador da campanha de Camilo Santana, Nelson Martins (PT), também refuta a interferência. "Ele disse que não tem nada a ver com isso", informou a assessoria de Cid.
quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

FHC convoca voluntários tucanos: "A linguagem de hoje é a internet"

Fernando Henrique Cardoso (Foto: Daniel Marenco / Folhapress))
O ex-presidente Fernando Henrique Cardoso deu um depoimento para a campanha do seu correligionário Aécio Neves, candidato do PSDB ao Planalto. Numa fala rápida, de um minuto, o ex-presidente ressalta o papel da campanha eleitoral na internet: "O povo cansou dos políticos e da política. Por quê? Porque os políticos e a política não conversam, não têm como conversar na linguagem que as pessoas entendam. A linguagem de hoje é a internet". Em seguida, Fernando Henrique Cardoso convoca os voluntários tucanos para atuarem nas redes sociais: "Cada um precisa se motivar e vir atuar. Não adianta ficar falando mal em casa e dizendo que os políticos não servem para nada. Vamos atuar. É a hora. É agora". O vídeo (abaixo), gravado na última sexta-feira (15), será divulgado pelas redes sociais da campanha de Aécio.

quarta-feira, agosto 20, 2014Sem Comentarios

19/08/2014

Veja o primeiro programa de Aécio Neves na TV - 19/08/2014

terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

Senador Sá:Feirante é morto a tiros no centro de Manaus

terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

SEM GESTÃO: POR AUSÊNCIA DE PROJETO, SOBRAL PERDE AERORPORTO

De acordo com a assessoria de imprensa da Secretaria de Aviação Civil (SAC), os aeroportos cearenses que já possuem estudo de viabilidade prontos são os de Quixadá, Jericoacoara, Iguatu e Crateús. A secretaria acrescentou que, no momento, estão sendo realizados os projetos preliminares destes aeroportos, que definirá os aspectos da obra, para que sejam então levados à licitação. No âmbito nacional, serão beneficiados com o programa 270 aeroportos, dos quais 200 já se encontram com os projetos de viabilidade finalizados.
Os de Juazeiro do Norte, Itapipoca, Canindé e Aracati ainda estão em fase de conclusão deste estudo. O que se encontra em situação mais preliminar é o de Sobral, que chegou a ter o estudo concluído, foi reprovado.
Por ausência de projetos e de gestão, o prefeito sobralense mais uma vez demonstra sua limitação em administrar uma cidade do porte de Sobral, deixando o município  fora de um projeto de âmbito nacional no valor total de R$ 7,3 bilhões, recursos estes vindo do Fundo Nacional de Aviação.
É Sobral!
Postado por 

terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

EM DISCURSO NO MS, AÉCIO DIZ QUE É ‘PÉ QUENTE’ E ATACA O PT

TUCANO DIZ QUE O BRASIL “NÃO MERECE MAIS 4 ANOS DE DESGOVERNO”

Aecio Neves em Dourado MS - Igo Estrela
Em Dourados (MS), Aécio diz que é pé quente e não perde eleição com facilidade ( Foto: Igo Estrela/ObritoNews)
O candidato do PSDB à Presidência da República, senador Aécio Neves, participou de um ato político na manhã desta terça-feira (19) em Dourados, Mato Grosso do Sul. O senador chegou à Associação Comercial e Empresarial da cidade acompanhado de Reinaldo Azambuja, candidato tucano ao governo do Estado.
Durante o discurso, Aécio prometeu recuperar o tempo perdido pelo PT no governo federal. “Os 11 anos do PT no governo atrasaram imensamente os investimentos no Brasil. O País não merece mais 4 anos de desgoverno. Se formos eleitos, nosso governo não será do PSDB ou aliados, vamos fazer o governo dos melhores, do povo brasileiro”, garantiu.
Aécio também pediu votos para Azambuja, “Política não é ação solitária e sim ação de solidariedade”, declarou. O candidato disse ainda que é pé quente, pois não perde eleição com facilidade. Também prometeu voltar a Mato Grosso do Sul ainda no primeiro turno.
terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

Não veiculação da propaganda de Luizianne abre crise na coligação de Camilo

Bastaram os programas em rádio e TV da ex-prefeita Luizianne Lins (PT) não irem ao ar nesta terça-feira, quando do início do Horário Eleitoral Gratuito, para reacender a velha rivalidade entre a petista e os irmãos Ferreira Gomes. Luizianne acusa o governador Cid Gomes (Pros) de  “vetar” divulgação de seu material junto a coordenação da campanha. A situação abriu uma crise na campanha de Camilo.  Ela, que é candidata a deputada federal, diz que vai levar o caso à Justiça ainda nesta terça.

Segundo ela, o programa foi enviado para a coordenação da campanha, que tinha dado o ok para a divulgação. “Soube depois que o problema era o Cid. Vamos recorrer, para recuperar isso em até 24h”, diz Luizianne. A ex-prefeita observa que havia acertado com o presidente nacional do PT, Rui Falcão, divulgação do material.
Segundo ela, seu programa tinha cerca de vinte segundos, apenas com gravações em estúdio, e exibia imagem do candidato ao governo Camilo Santana (PT) e da candidata à Presidência Dilma Rousseff (PT) e não seguia estética padrão dos demais candidatos da coligação.
terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

Em plena seca, Ceará tem 577 poços profundos desativados

Instalação e limpeza de poços já perfurados são ações que podem
amenizar a escassez de água no Interior. Volume dos açudes no 
Ceará é de apenas 28,7% 

No terceiro ano consecutivo de estiagem, o Ceará contabiliza pelo menos 577 poços profundos precisando de recuperação. O Estado pode enfrentar mais uma quadra chuvosa insuficiente em 2015 e, atualmente, tem nível crítico de abastecimento dos açudes, com apenas 28,7% do volume. A instalação e limpeza de poços já perfurados é uma das ações que podem amenizar a escassez de água no Interior. Até novembro, a Defesa Civil do Estado tem recursos aprovados para concluir a recuperação de 57 poços. A lista de espera para um novo contrato a partir de novembro já conta com 520 localidades em 59 cidades. Desses, apenas 400 serão selecionados na próxima fase da operação.

Em junho, O POVO publicou que a lista de solicitações continha 62 cidades. Segundo explica o subtenente Carlos Nascimento, do Núcleo de Engenharia da Defesa Civil, o número diminuiu porque o órgão já elimina os municípios que não atendem os critérios do Ministério da Integração para a liberação de recursos. Os poços precisam ter energia elétrica dentro de um raio de 100 metros, beneficiar o mínimo de famílias e estar situados em sistemas com colapso de água.

A operação em andamento desde abril ainda aguarda a liberação de R$ 2 milhões do Governo Federal e tem até novembro para ser concluída. Após a prestação de contas, o órgão seleciona os 400 poços a serem recuperados em uma nova fase. De junho para agosto deste ano, houve aumento de 500 para 520 localidades pedindo o serviço.

O município de Pindoretama, a 49,3 quilômetros de Fortaleza, é um dos que aguardam ser selecionados pela Defesa Civil de Estado. A espera é por sistemas de bombeamento, caixas d’água, dessalinizadores e chafarizes. Sem estes itens, não se pode retirar água de dois poços nos distritos de Ema e Caponguinha. Os equipamentos chegaram a funcionar há cerca de sete anos e teriam sido retirados pelas gestões municipais anteriores devido a “motivações políticas”, segundo apontam moradores e o coordenador da Defesa Civil do município, Francisco de Assis Lima. Desde o ano passado, o lençol freático da região já não tem água para as cacimbas de muitas famílias. Daí a preocupação recente em reativar os dois poços.

Estudos


Próximo ao limite com o município de Cascavel, as localidades de Vila Nova e Forquilha (distrito de Caponguinha) ainda são abastecidas com um sistema de encanação que leva água de um poço de 78 metros em funcionamento. Mas estudos feitos ali no mês passado sinalizam que a água deve acabar em setembro, explica Francisco de Assis. Desde que foi construído, em 2006, ele perdeu a vazão de 8 mil metros cúbicos por hora e hoje tem vazão de 3,5 mil metros cúbicos por hora. A solução para manter o consumo de 148 famílias seria a recuperação de um poço desativado em Vila Nova. Perfurado há cerca de 18 anos, hoje ele está escondido sob um matagal sem que ninguém consiga ter acesso à água.

Ao redor do terreno, o sistema de abastecimento que ainda funciona na região libera água apenas entre 6h e 7 horas da manhã. “Quem não tem caixa d’água armazena nos baldes nesse horário”, conta a moradora Geângela Fernandes, 30. “Conseguimos nos organizar para que não falte pelo resto do dia”, garante a dona de casa Anaires da Silva, 29. Na localidade de Forquilha, mais distante e de terreno mais elevado, a escassez é mais sentida.

O distrito de Ema recebe, todos os dias, ajuda do carro-pipa da Defesa Civil do Estado. É lá que 96 famílias aguardam a recuperação de um segundo poço sem funcionar, com 70 metros de profundidade. Com cinco poços já recuperados em maio deste ano pela Defesa Civil, comunidades como Pedrinhas já não precisam da ajuda de carros-pipa para o consumo humano.

28,7% é o volume acumulado de água dos açudes atualmente no Ceará, considerado como nível crítico.

Fonte: O Povo
terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

Band altera data do debate presidencial


Após tragédia da morte do candidato Eduardo Campos, que mudou o ambiente político do país na última quarta-feira (13), a direção de jornalismo da Band acertou o adiamento do debate com os presidenciáveis, que estava marcado para o próximo dia 21.
Em entendimento com os comandos de campanha e em respeito às dificuldades do PSB, a nova data acertada para o debate foi o próximo dia 26, terça-feira.
terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

Dilma se recusa a responder pergunta sobre mensaleiros do PT e admite serviço ruim na Saúde.

Jornal Nacional


Dilma posta na roda no JN: perguntas demolidoras

Em entrevista ao 'Jornal Nacional', realizada na biblioteca do Palácio da Alvorada, a presidente e candidata à reeleição, Dilma Rousseff, admitiu que a situação na área da Saúde 'não é minimamente razoável', mas defendeu as ações do governo, como o programa Mais Médicos. Apesar da insistência, Dilma se recusou a responder sobre a atitude do PT diante do escândalo do mensalão, que tratou os condenados como heróis. Por repetidas vezes, Dilma disse que não comenta decisões do Supremo Tribunal Federal (STF) por ser presidente da República e respeitar a independência entre os Poderes.
Em certos momentos, a presidente se mostrava tensa e incomodada em ser interrompida com novas perguntas. Ao final, Dilma disse que a economia vai melhorar no segundo semestre, rebateu o pessimismo e pediu votos aos eleitores.
A presidente, visivelmente contrariada, disse várias vezes que nunca comentou a condenação dos petistas pelo STF, como o ex-ministro José Dirceu. Ela não quis responder nem mesmo à pergunta sobre o PT tratar os condenados como 'vítimas'.

— Vou te falar uma coisa: sou presidente da República. Não faço nenhum observação sobre julgamentos realizados pelo STF. Por um motivo muito simples: a Constituição Federal exige que o presidente da República e os demais chefes de Poder respeitem e considerem a autonomia dos outros órgãos. Não julgo ações do Supremo. Tenho minhas opiniões pessoais. Durante o processo inteiro, não manifestei nenhuma opinião sobre o julgamento. Não vou tomar nenhum posição que me coloque em confronto, conflito com a Suprema Corte. Isso não é uma questão objetiva — disse Dilma.
Ao ser perguntada sobre escândalos em ministérios e as irregularidades na Petrobras, a presidente repetiu que seu governo foi aquele que mais combateu a corrupção. Dilma disse que foi o governo do PT que criou a CGU. Na verdade, a CGU foi criada em 2001 pelo governo Fernando Henrique, com o nome de Corregedoria Geral da União. O presidente Lula sempre disse que om PT criou a CGU.
— Fomos aquele governo que mais estruturou os mecanismos de combate à corrupção, aos malfeitos. Além disso, tivemos uma relação muito respeitosa com o Ministério Público. Porque também escolhemos com absoluta isenção os procuradores. Fomos nós que criamos a Controladoria Geral da União. Criamos um Portal da Transparência — disse ela.
Ao falar de ministros afastados, Dilma lembrou que nem todos os acusados foram condenados na Justiça, e ressaltou que muitos pediram demissão por pressão da família. Ela disse que só aceita as exigências dos partidos quando acredita nas pessoas, citando os casos de César Borges e Paulo Sérgio Passos, ex e atual ministro dos Transportes, indicados pelo PR:
— Nem todas as pessoas foram punidas pelo Judiciário e tiveram culpa comprovada, Muitos se afastaram por pressão da família. Os partidos podem fazer exigências, mas só aceito quando são pessoas íntegras, competentes, têm tradição na área e têm minha confiança.
Na questão da Saúde, Dilma reconheceu que há ainda muitos problemas a enfrentar.
— Não acho (que a situação da saúde é minimamente razoável). Porque o Brasil precisa de uma reforma federativa (...) Mas resolvemos o problema dos 50 milhões de brasileiros (que passaram a ter atendimento) e dos 14 mil médicos. Temos de melhorar a Saúde, não tenho dúvida — disse Dilma, acrescentando:
— Ainda temos muitos problemas e desafios a enfrentar na Saúde. Enfrentamos um dos mais graves que há na Saúde. Porque na Saúde se precisa ter médicos. A população sempre reclamou da falta de médicos. Tivemos uma atitude muito corajosa (...) Chamamos médicos cubanos, e conseguimos chegar a 14462 médicos. E 50 milhões de brasileiros não tinham tratamento médico.
Dilma também foi enfática ao defender a política econômica.
— Primeiro, enfrentamos a crise, pela primeira vez no Brasil, não desempregando, não arrochando os salários, não aumentando tributos. Pelo contrário, desoneramos, reduzimos a incidência de tributos sobre a cesta básica. Enfrentamos a crise também sem demitir. E qual era o padrão anterior? — disse Dilma, mostrando irritação com números negativos apontados pelos entrevistadores:
— Não sei dá onde são os seus dados. Mas temos uma melhoria prevista no segundo semestre. Tem uma coisa em economia que são os índices antecedentes e os índices que evidenciam como está a situação atual. Todos esses índices indicam uma recuperação no segundo semestre vis-à-vis o primeiro semestre. Se não olhar para o retrovisor e o que está acontecendo hoje, ela está e zero por cento. Estamos superando a dificuldade de superar uma crise sem demitir, sem reduzir a renda
Ao final, Dilma pediu que todos acreditem no Brasil e não sejam pessimistas, acusação que sempre faz à oposição.
— Fui eleita para dar continuidade ao governo Lula. Ao mesmo tempo, preparamos o Brasil para um novo ciclo de crescimento: moderno, mais produtivo, mais competitivo. Criamos as condições para o Brasil dar um salto. Queremos continuar a ser um país de classe média, cada vez maior a participação da classe média, mais oportunidade para todos. Eu acredito no Brasil. Mais do que nunca, todos nós precisamos acreditar no Brasil e diminuir o pessimismo. E peço votos dos telespectadores — encerrou a presidente.

terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

SAÚDE PÚBLICA: 93% ESTÃO INSATISFEITOS

terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios

BOMBA! TSE NÃO FARÁ TESTE PÚBLICO DAS URNAS ANTES DAS ELEIÇÕES



Apesar de reconhecer que “os testes de segurança das urnas eletrônicas fazem parte do conjunto de atividades que garantem a melhoria contínua deste projeto”, o Tribunal Superior Eleitoral (TSE) não fará nenhum antes das eleições de outubro. Desde 2012, aliás, quando uma equipe de técnicos da Universidade de Brasília (UnB) simulou uma eleição com 475 votos na urna eletrônica e conseguiu colocá-los na ordem em que foram digitados, o tribunal não expõe seus sistemas e aparelhos à prova de técnicos independentes. Mesmo assim, continua a afirmar que eles são seguros e invioláveis.
Para especialistas em computação, o TSE se arrisca ao dispensar as contribuições e os ajustes que poderiam florescer em testes públicos independentes e erra ao adotar uma postura de extrema confiança em relação a seus sistemas de registro, transmissão e contagem de votos. Muitos lembram que, recentemente, até mesmo as comunicações da presidente Dilma Rousseff foram rastreadas pela Agência de Segurança Nacional (NSA) americana. Ai tem coisa!
terça-feira, agosto 19, 2014Sem Comentarios